Grupo Planalto de comunicação

Médicos são denunciados pela morte de Valentina em Passo Fundo; Defesa alega equívoco na investigação

Dois médicos foram denunciados pelo Ministério Público (MP)
por homicídio culposo no caso da morte de Valentina Olanda Spesotto, de 10
anos, em Passo Fundo. A criança faleceu em abril deste ano após contrair
dengue.

De acordo com o MP, tanto o médico que inicialmente atendeu
a menina quanto a médica que a atendeu posteriormente foram negligentes.

Valentina faleceu em 22 de abril no hospital São Vicente de
Paulo, e um exame laboratorial confirmou sua infecção por dengue. O
caso aguarda a análise do juiz da 2ª Vara Criminal para decidir sobre a continuidade
da ação penal.

A defesa de um dos médicos acusados relatou que houve
equívoco na investigação e faltou perícia técnica para a emissão das
conclusões. Leia abaixo a nota do advogado José Paulo Schneider após procurado
pela nossa reportagem.

A defesa técnica do médico acusado, patrocinada pelo
criminalista José Paulo Schneider, manifesta surpresa e inconformidade com a
denúncia oferecida pelo Ministério Público. A defesa apontou inúmeros equívocos
verificados na investigação, que foram ignorados pelo MP, a fim de colaborar
com a elucidação dos fatos.

Um dos questionamentos da defesa foi a falta de perícia
técnica para a emissão das conclusões da Polícia Civil. Nem o relatório da
autoridade policial e tampouco a denúncia foram elaborados a partir de dados
científicos, técnicos e análises médicas. Além do mais, o Ministério Público
também negou o pedido da defesa pela requisição de perícias e estudos técnicos
oficiais para elucidar as questões médicas do caso.

A defesa também lamenta o vazamento de informações sigilosas
à imprensa como estratégia de manipulação da realidade. O caso exige cautela e
urge por resposta técnicas.

A defesa reforça a inocência do seu cliente e salienta os
seus 40 anos de reputação profissional sólida e ilibada como médico. E acredita
que a lei e a ciência são os pressupostos que norteiam todos os profissionais
que atuam nesse caso.

A defesa da outra médica denunciada não foi localizada pela nossa reportagem. 

Facebook
Twitter
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Categorias

Redes Sociais