Grupo Planalto de comunicação

Ernestina inclui o peixe na alimentação escolar A decisão foi adotada pela Prefeitura e o prato faz sucesso entre os estudantes

Fotos: Prefeitura de Ernestina (divulgação)
A Prefeitura de Ernestina decidiu incluir o peixe na alimentação escolar. O prato faz sucesso entre os alunos.
A inclusão do peixe na merenda escolar é uma iniciativa importante, pois oferece aos alunos uma fonte de proteínas e nutrientes essenciais para o seu desenvolvimento e saúde. O peixe é uma excelente fonte de proteínas de alta qualidade, contendo todos os aminoácidos essenciais necessários para o crescimento e reparação dos tecidos do corpo. Além disso, é rico em ácidos graxos ômega-3, que desempenham um papel crucial no desenvolvimento do cérebro e na saúde cardiovascular.
A boa aceitação por parte dos alunos da rede municipal de ensino é um indicativo positivo de que a inclusão do peixe na merenda escolar está sendo bem-sucedida. É importante oferecer aos alunos uma variedade de opções alimentares saudáveis e saborosas para garantir que eles recebam os nutrientes necessários para um bom desempenho acadêmico e um estilo de vida saudável.
Segundo a nutricionista Jane Bonamigo, foram ralizadas fichas técnicas de preparo para as merendeiras e manipuladoras de alimentos com a implementação do filé de tilápia, adquirido da chamada pública da agricultura familiar.
Foi realizado o Teste de Aceitabilidade junto aos estudantes através de teste de fichas nas Escolas EMEI Drº Orlando Rojas, Osvaldo Cruz, Educarte Ernestina e Emef João Alfredo Sachser.
A introdução desse alimento na merenda escolar será introduzido uma vez por mês no cardápio escolar.
Fotos: Prefeitura de Ernestina (divulgação)

Facebook
Twitter
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Categorias

Redes Sociais