Grupo Planalto de comunicação

HSVP se reúne com representantes dos municípios do Planalto Médio Associação assinou um Protocolo de Intenções com o Hospital para a execução de exames e procedimentos da oncologia infantojuvenil 

Foto: HSVP (Divulgação)

A direção do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) recebeu nesta sexta-feira, 28, a visita dos prefeitos e secretários de saúde que integram a Associação dos Municípios do Planalto (AMPLA). Os gestores públicos conheceram as instalações do Centro Oncológico Infantojuvenil e do novo Centro de Especialidades (CES).

O médico Pablo Santiago, coordenador do Centro Oncológico, explicou que as chances de cura do câncer infantojuvenil aumentam consideravelmente nos pacientes de Centros que possuem equipamentos de ponta, equipes multiprofissionais especializadas, atividades lúdicas e um serviço humanizado. Por isso, o apoio que o serviço recebe de diferentes entidades e organizações contribui muito para que o hospital possa criar iniciativas que facilitem o diagnóstico precoce da doença.

Já o presidente do HSVP, José Miguel Rodrigues da Silva, agradeceu a presença dos prefeitos e secretários e colocou a Instituição à disposição dos gestores para conversar e orientá-los sobre o trabalho, a estrutura e os serviços disponíveis no hospital. Além disso, reforçou a importância do poder público ser parceiro do Centro Oncológico Infantojuvenil que, hoje, é referência para uma população superior a dois milhões de habitantes.

 

PROTOCOLO DE INTENÇÕES

Durante o encontro houve a assinatura de um Protocolo de Intenções manifestando o interesse das entidades em celebrarem uma futura contratação para a execução de ações na área da saúde visando o acesso a exames e procedimentos, especialmente, relacionados ao diagnóstico, monitoramento e tratamento do câncer em crianças e adolescentes residentes nos municípios associados.

O ato foi acompanhado pelo presidente da Câmara de Vereadores de Passo Fundo e Embaixador do Instituto Pietro que é um dos grandes apoiadores do Centro Oncológico. Saul Spinelli disse que a assinatura do Protocolo de Intenções é um avanço em uma caminhada a favor do combate ao câncer infantojuvenil. A iniciativa deve custear exames que, hoje, são fundamentais para identificar de forma precoce a doença e salvar vidas.

O presidente da AMPLA, Fernando Perin, agradeceu o convite da Instituição e disse que a assinatura do Protocolo de Intenções vai possibilitar que os municípios possam cobrir algumas despesas hospitalares. Os associados estabeleceram que, na próxima Assembleia, farão um documento oficializando a parceria entre entidades e, no momento seguinte, convênios individuais para que juridicamente as prefeituras também possam contribuir com o hospital na luta contra o câncer.

A AMPLA foi fundada há 15 anos e conta com 21 municípios associados, sendo eles: Camargo, Carazinho, Casca, Ciríaco, Coxilha, David Canabarro, Ernestina, Gentil, Marau, Mato Castelhano, Montauri, Muliterno, Nicolau Vergueiro, Nova Alvorada, Passo Fundo, Santo Antônio do Palma, São Domingos do Sul, Serafina Corrêa, União da Serra, Vanini e Vila Maria.

 

Facebook
Twitter
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Categorias

Redes Sociais