Grupo Planalto de comunicação

Coleurb prepara bilhetagem eletrônica e ampliação da frota Renovação da frota e bilhetagem eletrônica são algumas das iniciativas previstas pela nova gestão da empresa

Foto: Coleurb (divulgação)

Ônibus novos e bilhetagem eletrônica são algumas das iniciativas previstas pela administração da nova Coleurb para melhorar o transporte público de Passo Fundo. Os avanços antecipam as contrapartidas do subsídio do Executivo às concessionárias, cujo propósito é baratear a tarifa, informa a direção da empresa.

A nova gestão, que está há pouco mais de dois meses à frente da Coleurb, já iniciou a instalação dos equipamentos de bilhetagem eletrônica em seus veículos. A operação tem previsão de início em agosto.

Nas próximas semanas, a nova Coleurb deve também vistoriar cinco novos veículos, que serão incorporados à frota e entrarão em operação nas rotas a partir de julho. Eles serão do modelo Euro 6, que seguem normas rígidas de controle de emissão de poluentes, além de ter elevadores para acessibilidade de pessoas com deficiência (PCDs). A expectativa é que haja renovação de 10% dos ônibus.

Na quarta-feira (19), representantes da empresa participaram, na Câmara de Vereadores, de uma reunião da Comissão de Patrimônio, para esclarecer dúvidas dos parlamentares em relação ao destino do subsídio. “Foi um encontro muito positivo. Estávamos lá e respondemos o que precisava ser esclarecido”, avaliou o diretor da Coleurb, Carlos Henrique Pereira.

Na reunião, Pereira destacou que a bilhetagem trará mais transparência para as operações e vai colaborar para o planejamento dos horários de circulação dos coletivos. O diretor reforçou aos vereadores a responsabilidade que a nova Coleurb tem com a mobilidade urbana de Passo Fundo – e que a antecipação de contrapartidas, melhorando o serviço oferecido para a população, é uma prova deste compromisso.

A reunião foi presidida pelo vereador Rufa Soldá, e contou com a presença do presidente da Câmara, Saul Spinelli, e a participação da maioria dos vereadores, além do representante do Executivo, procurador Adolfo de Freitas.

Cronograma

Em julho, todos os usuários do transporte coletivo, incluindo os que têm gratuidade, estudantes e empresas, devem se cadastrar e solicitar cartões eletrônicos.

A partir de agosto, as passagens atuais dos estudantes não serão mais aceitas. Durante o cadastro, eles devem trocar suas passagens por créditos no cartão, e a compra de vales-transportes e passagens estudantis será online ou nos pontos de venda da Coleurb.

Os vales-transportes vermelhos para a população geral não têm prazo definido para uso, sendo válidos até nova informação. Nesse período, quem paga tarifa integral pode usar tanto a passagem como o cartão.

Facebook
Twitter
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Categorias

Redes Sociais